Saúde alerta sobre a necessidade das duas doses da vacina contra a Covid e a dose adicional para habilitados

O mais recente balanço da Vigilância Epidemiológica de Cotia, fechado no dia 31 de outubro, mostra que 29.616 pessoas não completaram o esquema vacinal de proteção contra a Covid-19 pois estão com a segunda dose da vacina atrasada. Os imunizantes contra a Covid-19 estão disponíveis em todas as UBS’s do município, para ser vacinado, basta comparecer à unidade mais próxima, não é preciso fazer agendamento. “Reforçamos mais uma vez para que as pessoas que já podem receber a segunda dose ou a dose adicional da vacina compareçam à UBS. Só vamos vencer a pandemia de fato quando tivermos a maior parte possível da população vacinada”, disse Silvana Silva, coordenadora da Vigilância Epidemiológica de Cotia.

A coordenadora explicou que o número de pessoas com a segunda dose atrasada aumentou nos últimos dias por conta da revisão do intervalo entre as doses de alguns imunizantes: o da Pfizer passou a ser de 21 dias para maiores de 18 anos e 56 dias para adolescentes. O intervalo entre as duas doses do imunizante Fiocruz/Astrazenca também caiu para 56 dias.

“Importante que as pessoas que receberam a 1ª dose com estes dois imunizantes antes da redução do intervalo, confira no cartão entregue a data em que foi vacinado e volte depois de 56 dias para a 2ª”, destacou Silvana Silva.

Dose Adicional

Estão sendo vacinados com a dose adicional da vacina conta a Covid-19 os idosos com idade a partir de 60 anos que receberam as duas doses da vacina, ou a dose única há pelo menos seis meses. Pessoas com idade a partir de 18 que tenham alto grau de imunossupressão* e que receberam a 2ª dose ou dose única há pelo menos 28 dias também devem tomar a dose adicional. Os trabalhadores da saúde, com idade a partir de 18 anos, que concluíram o esquema vacinal há seis meses, em Cotia, também podem receber a dose adicional em uma das UBS’s da cidade.

Para receber a dose adicional basta comparecer a Unidade Básica de Saúde mais próxima, o atendimento é por ordem de chegada e todos deverão apresentar o cartão de vacina da 1ª e 2ª dose (ou dose única) recebida em Cotia, além de documento oficial com foto e CPF e comprovante de endereço.

 

Saiba o que é alto grau de imunossupressão:

I – Imunodeficiência primária grave.

II – Quimioterapia para câncer.

III – Transplantados de órgão sólido ou de células tronco hematopoiéticas (TCTH) em uso de drogas imunossupressoras.

IV – Pessoas vivendo com HIV/Aids com CD4 < 200 cel/mm3.

V – Uso de corticóides em doses ≥20 mg/dia de prednisona, ou equivalente, por ≥14 dias.

VI – Uso de drogas modificadoras da resposta imune.

VII – Pacientes em terapia renal substitutiva (hemodiálise).

VIII – Pacientes com doenças imunomediadas inflamatórias crônicas (reumatológicas, auto inflamatórias, doenças intestinais inflamatórias).